Irdeto Global Consumer Piracy Survey

Quase metade dos consumidores mundiais estão dispostos a interromper ou reduzir seu consumo de vídeos pirateados

Issue link: https://resources.irdeto.com/i/796542

Contents of this Issue

Navigation

Page 0 of 3

Página 1 de 4 Quase metade dos consumidores mundiais estão dispostos a interromper ou reduzir seu consumo de vídeos pirateados A maior pesquisa mundial on-line já realizada sobre pirataria constata que a educação dos consumidores poderia reduzir o número de indivíduos (52%) que assistem vídeos pirateados BRUXELAS, CABLE CONGRESS, 8 de março de 2017 – A Irdeto, líder mundial em segurança para plataformas digitais, divulgou os resultados da maior pesquisa já realizada sobre pirataria entre consumidores. A Pesquisa Mundial da Irdeto sobre Pirataria entre Consumidores, que entrevistou mais de 25.000 adultos em 30 países, constatou que, não obstante o elevado número de consumidores que assistem vídeos pirateados (52%) no mundo inteiro, quase metade (48%) interromperia ou reduziria seu consumo de conteúdo ilegal após conhecer os danos que a pirataria causa no setor de mídia. Com quase metade dos consumidores dispostos a mudar seus hábitos de consumo, é enorme o impacto que a educação poderia ter na redução do número de pessoas que pirateiam vídeos. O resultado mais positivo de uma iniciativa educativa de todo o setor poderia ser na América Latina e na APAC. Dos consumidores que assistem a conteúdo pirateado, 59% na América Latina e 55% na APAC afirmaram que assistiriam menos ou parariam de assistir vídeos pirateados após descobrir que a pirataria resulta em perda de receitas dos estúdios, afetando investimentos na criação futura de conteúdo. Em contraste, apenas 45% dos participantes na Europa e 38% nos EUA disseram que reduziriam ou interromperiam seu consumo de conteúdo pirateado. Isso indica que a simples educação dos consumidores nessas regiões, sobre os danos associados à perda de receitas, pode não ser suficiente. Contudo, uma iniciativa educativa concentrada no impacto da pirataria no processo criativo da produção de conteúdo, combinada com informações sobre como a pirataria está frequentemente associada a organizações criminosas e como o conteúdo pirateado pode incluir malware que rouba dados pessoais dos consumidores, poderia ter maior aceitação nesses mercados. "Há uma batalha no setor de mídia e entretenimento", afirmou Doug Lowther, CEO, Irdeto. "As ofertas de conteúdo legal não estão mais competindo apenas entre si. Os piratas sem dúvida cresceram e se tornaram um inimigo expressivo, que não deve ser ignorado. Com mais da metade dos consumidores admitindo abertamente que assistem a conteúdo pirateado, é crucial que o setor lide frontalmente com a pirataria. Será necessário ter tecnologia e serviços para proteger o conteúdo legal, assim como um programa educativo abrangente para ajudar a mudar o

Articles in this issue

Links on this page

view archives of Irdeto Global Consumer Piracy Survey - Quase metade dos consumidores mundiais estão dispostos a interromper ou reduzir seu consumo de vídeos pirateados